O livro é melhor que o filme?

“Sem dúvida”, afirmou quem estava com um livro nas mãos. “Há filmes bem melhores que os livros que os inspiraram”, rebateu quem acabara de sair da sala escura. “Nem uma coisa, nem outra”, respondo eu.

Cada arte possui a sua própria linguagem. Há caminhos que apenas os livros podem seguir e aspectos que somente os filmes podem mostrar. Como colocar lado a lado o cinema e a literatura?

“Você escreve sobre cinema, por isso não admite que o livro é sempre melhor!” O meu amor sempre foi da literatura e não lembro de um período da minha vida em que os livros não estivessem presentes. O cinema está comigo desde pequena e lembro com encantamento do primeiro filme que assisti. Eu não preciso escolher entre um e outro. Além do mais, eles caminham juntos há décadas, quem sou eu para separá-los?

O poderoso chefão, E o vento levou, Laranja mecânica, O silêncio dos inocentes são exemplos de filmes mais famosos que seus livros. O iluminado e Bonequinha de luxo estão no meio termo, talvez pelo reconhecimento dos escritores Stephen King e Truman Capote. A trilogia O Senhor dos Anéis seguiu o caminho inverso, transformou vários leitores em espectadores. O exorcista e Clube da luta também são histórias que surgiram nas páginas dos livros. Sem falar em As horas, cujo livro foi inspirado em um outro livro, Mrs. Dalloway.

“O livro é melhor que o filme?” é a nova coluna do blog. Eu analisarei em conjunto as duas obras − livro e filme −, com o objetivo de compreender esse encontro.

Eu prefiro ler o livro antes de assistir ao filme, por este motivo:

“Leia primeiro. Não deixe que o filme estrague o livro.”
Fonte: Ebook Friendly.

Os spoilers existirão não importa qual venha primeiro. Eu escolho o livro. E, mesmo sabendo que muitas vezes há mudanças significativas nas adaptações cinematográficas, eu prefiro não correr o risco.

No começo do texto, contei sobre o primeiro filme que assisti na vida. Qual foi ele? Justamente, a adaptação de um livro: O mágico de Oz.

***

Obras citadas:

As horas, livro e filme.
Bonequinha de luxo, livro e filme.
Clube de luta, livro e filme.
E o vento levou, livro e filme.
Laranja mecânica, livro e filme.
O exorcista, livro e filme.
O iluminado, livro e filme.
O mágico de Oz, livro e filme.
O poderoso chefão, livro e filme.
O Senhor dos Anéis, livros (1, 2, 3) e filmes (1, 2, 3).
O silêncio dos inocentes, livro e filme.

Anúncios

2 respostas em “O livro é melhor que o filme?

  1. Essa coisa de livro é melhor que o filme sempre é besteira. Existem aqueles casos que empatam: amo Stardust, o filme, e também Stardust, livro do Neil Gaiman. Cada um à sua maneira. E olha que foi uma daquelas adaptações polêmicas, que mudou várias coisas do livro.

    • Melissa, eu acho que sequer empatam: são obras diferentes de artes diferentes. Colocá-las lado a lado sempre será injusto de alguma maneira. E adaptações são assim mesmo, ajustes são feitos. Se todos os livros fossem filmados tal como são, alguns filmes seriam chatos de doer, além de difíceis de serem realizados. Cada qual na sua e ficamos com o melhor dos dois.

      Grande beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s